Páginas

domingo, 16 de junho de 2013

Resumo sobre o Colágeno

Oiiii gente,
Tudo bem com vocês?
 
Como estão com a dieta e treino? Firme e fortes?!
 
Espero que sim!! Eu estou me mantendo em média 2 semanas em dieta, e um dia fazendo um off, na verdade, este não era meu plano, mas acabei fazendo uma exceção hoje. Mas de agora em diante, minha meta é superar esse tempo, preciso e vou quebrar esse paradigma de só 2 semanas, quero me manter focadíssima por 30 dias. Preciso provar que sou capaz!!!
 
Enfim... hoje vou falar um pouquinho sobre o colágeno. Como já fui bem "porpetinha" tenho que hoje correr atrás do preju para deixar minha pele mais firme... e como muitos já sabem, o colágeno ajuda bastante nisso, e por isso ele faz parte do meu dia-a-dia, e faço questão dele.
 

Mas o que é colágeno?

Colágeno é uma proteína que forma e sustenta as fibras da pele, é a matéria-prima básica para afastar as rugas, firmar a pele do corpo e do rosto, tornar o cabelo mais brilhante, fortalecer as unhas e proteger as articulações. De quebra, seus aminoácidos também ajudam a construir músculos. Se ingerido antes da refeição principal, o produto pode até afastar a fome. Embora nosso organismo produza essa proteína, a partir dos 30 anos começa a ocorrer uma perda de 1% ao ano (que triste isso, já estou nessa faixa e estou vendo na pele o que é isso! rsrs...). Aos 50, o organismo só fabrica cerca de 35% do colágeno de que precisamos. :-( 
 
Embora a carne vermelha seja uma boa fonte, apenas a alimentação não consegue fornecer a quantidade de colágeno necessária ao nosso organismo.

A palavra dos experts

"O colágeno em pó hidrolisado é a melhor forma para o consumo, pois a quebra das moléculas de proteína facilita a absorção pelo organismo", diz a nutricionista Cynthia Antonaccio, e ela ainda diz: "A formulação em pó possibilita uma assimilação de mais de 90%". Embora não apresente contraindicação, não tome mais do que 10 gramas por dia (essa é a quantidade recomendada do suplemento para que a gente produza os 2 gramas necessários, já que não conseguimos absorver toda a proteína que ingerimos). Além de não aumentar o benefício, o excesso proteico pode sobrecarregar os rins, sem contar as calorias. "São 35 em 10 gramas, mas se o suplemento for consumido sem controle e a dieta for rica em calorias, pode haver ganho de peso", alerta Cynthia.

Cheque o rótulo e verifique se o colágeno é puro. Se tiver maltodextrina, não é tão puro assim e, provavelmente, esse carboidrato vem em maior quantidade do que o próprio colágeno. A versão em bala também é eficaz. Estudo realizado pelo Instituto de Bioengenharia da Pele da Universidade Estadual de Campinas, a Unicamp, mostra que essa apresentação aumenta em até 77% a proteção antioxidante e estimula mais de cinco vezes a produção de colágeno. Para aumentar a síntese dele, consuma alimentos ricos nas vitaminas C (limão, melão, acerola) e E (castanhas, azeite de oliva), além dos minerais selênio e zinco (amêndoa, castanha-do-pará, peixes).

A esta altura, você deve estar se perguntando: posso tomar os três tipos de suplemento? Pode, mas, para tirar o melhor proveito de cada um deles, observe os horários mais indicados. Veja também se a relação custo e benefício é vantajosa. E não deixe de procurar um nutrólogo ou um nutricionista especializado em atividade física. São eles os profissionais mais indicados para orientar a sua escolha.

Quando consumir

Tome o suplemento antes de dormir, pois durante o sono o organismo tira mais proveito do colágeno.
 
E aí se empolgaram em utilizá-lo?!
 
Acho que vale a pena né?!!!!
 
Beijos e até breve!!!
 
Sigam-me no instagram para mais dicas e receitinhas fit: @denisefit

sábado, 8 de junho de 2013

Receita do Bolo Integral de Atum

Oiiiii,
 
Gente pra gente não passar o final de semana na cozinha, ou apelar pro disk pizza e afins hehehe, e aí sair da dieta, posto hoje esta receita que aprendi esta semana no instagram do @gabrielbau deliciosa, saudável, prática, rápida. Acho que convenci vocês a fazerem né?! rsrs...
 
Ingredientes:
  • 2 ovos
  • 2 colheres de sopa de aveia
  • 2 colheres de sopa de farinha integral
  • 1 lata de atum em água
  • 2 colheres de sopa de milho
  • Orégano a gosto
  • Sal à gosto
  • 1 dente de alho picado
  • 2 colheres de sopa de molho de tomate
Modo de Fazer:
 
Misture tudo e leve ao microondas em um pote próprio para microondas por 6 minutos.
Difícil né?! kkkkkk...
 
Bom, espero que gostem, façam, e me marquem no instagram #projeto4everfit comentando o que acharam!!
 
E foco galera! Falta 6 meses pro verão, e vocês não vão deixar pra mudar seus hábitos alimentares só no fim do ano, e iniciar um treino no desespero achando que vai ficar como deseja em 3 meses pleaseeeeeeeeeee!!!
 
Estou com vocês!!!!!
 
Sigam-me @denisefit
 
Beijos e um ótimo final de semana!!!!!

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Como alcançar metas?!

Oiiii Fit People!!
 
Como vão vocês?? Tô meio sumida, mas voltei esta semana com tudo! "Sangue no zóio" que nem dizem uns amigos... rsrsrs...
 
E aí como vocês estão em relação aos treinos com esse friozinho heim?!
 
Não se esqueçam que o treino é sagrado, é que nem o nosso banho sagrado de todos os dias! (a não ser para uns porquinhos aí de plantão... kkkkk)

Enfim, hoje queria falar da nossas dificuldades em alcançar metas... mas porque? Porque eu mesmo sou o exemplo vivo de como muitas vezes estamos próximos da onde gostaríamos, a gente se acomoda, e aí pronto, toca começar tudo de novo pra alcançar o que estava ali mais próximo do que nunca!!

Nâo estou falando que mesmo quando alcançamos devemos nos satisfazer. NÃO! NUNCA! Porque sempre que atingir um resultado, busque outro melhor, e melhor e não pare mais, porque senão, não adianta, você vai entrar na zona de conforto e as coisas andam para trás, certo?! E nós não queremos isso em NENHUM aspecto de nossas vidas. Nem nos projetos profissionais e principalmente os pessoais, afinal é a engrenagem que nos coloca aí todos os dias em pé e prontos para trabalharmos com energia total.

Enfim, comecei a notar uma certa consistência em algumas coisas que se repetem, principalmente na forma como as pessoas que atingem suas metas e objetivos de maneira consistente PENSAM.
 
Baseada em minha própria experiência e tudo que tenho lido e estudado até agora, consegui perceber um passo a passo das pessoas que têm sucesso e alcançam suas metas, passos estes que parecem sempre seguir, mesmo que inconscientemente.
 
E lendo o texto do Raúl Candeloro, descobri (algumas já sabia), que existem 12 coisas que a gente precisa fazer para atingir um objetivo:
  • Imaginação
  • Crença
  • Planejamento
  • Ação
  • Resistência
  • Avaliação
  • Resolução
  • Confiança
  • Grande Dúvida
  • Persistência
  • Hábitos
  • Sucesso
1o Passo) É o da Imaginação, para definir claramente seu objetivo.
2o Passo) É o da Crença, onde você começa a acreditar que pode conseguir realmente atingir aquilo.

3o Passo) É é o do Planejamento, onde você começa a planejar o que precisa fazer para alcançar a meta, quais obstáculos precisa superar, quem pode ajudar, que competências precisa desenvolver.

4o Passo) É talvez o mais importante – Ação: começar, colocar em prática, ter a iniciativa de fazer algo de concreto, por menor que seja. O importante aqui é fazer a roda começar a girar, mesmo que devagar.

5o Passo) É o da Resistência, onde uma parte do seu cérebro começa a tentar convencer você de que é melhor ficar aonde está (na Zona de Conforto).

6o Passo) É o da Avaliação, onde você avalia o que está fazendo, o que está dando certo, o que precisa ser melhorado e qual o ajuste de rota que precisa ser feito.

7o Passo) É o da Resolução, onde você supera a Resistência e continua colocando seu plano em ação.

o Passo) É o da Confiança, onde você começa a ver avanços e a ter certeza de que realmente aquilo vai acontecer e você vai atingir sua meta.

9o Passo) É o da Grande Dúvida, onde a Resistência reaparece, desta vez com força redobrada, principalmente se começarem a aparecer muitos obstáculos ou contratempos (é onde a maior parte das pessoas desiste).

10o Passo) É o da Persistência, onde você domina e conquista a Resistência, fazendo-a trabalhar a seu favor.

11o Passo) É a criação de Hábitos Vencedores. Os comportamentos, iniciativas e atitudes que precisa ter para atingir sua meta já foram incorporados, assimilados e fazem parte da sua rotina.

12o Passo) É o do Sucesso: você alcança a meta.

E se fossemos criar um 13o passo, seria o de revisar tudo que aconteceu, tirando as grandes lições.

E um 14o passo seria o de estabelecer uma nova meta, pois assim funcionam as pessoas de sucesso.
 
De tudo que vi, li, testemunhei e vivi até agora, e se é que podemos falar de fórmulas para situações como essa, esta lista com os 12 passos é o que mais se aproxima do que é necessário ser feito para alcançar uma meta ou objetivo.

Por isso determinei pra mim desde esta 2a feira, dia 03 de Junho, que ficarei #30diassemjacar. Este é um projeto pessoal, meta física que pretendo atingir, porque gosto e sei que me sentirei muito mais feliz, e além do mais preciso me desafiar sempre para alcançar resultados. E sabe por quê? Porque o máximo que consegui até hoje foi 20 dias, e aí quando saio, perco um pouco a noção dos limites e estrago com o trabalho de semanas de ralação, depois penso: valeu a pena? tá feliz? Definitivamente e mais do que nunca, estou percebendo que certas satisfações momentâneas não valem as de longo prazo. E nada como se sentir feliz hoje e sempre, e não somente naquele minuto que estou devorando um Lindt ou um mousse de chocolate (meus fracos! rsrs...)

Espero que este texto tenha te ajudado a identificar aonde você está falhando que você não chega aonde quer, e te motive a continuar sempre firme e forte nos seus propósitos, porque só assim se chega lá. E nada como um passo atrás do outro, e o delicioso gosto da vitória, após tantos sacrifícios e lutas, pois tudo que vai fácil, volta fácil.

Faça por onde, e conquiste o que você se planeja para alcançar. Planejamento é a alma de tudo nesta vida!!!

#focoforçafé sempre!

E vamos continuar no #projeto4everfit e no #30diassemjacar! Bora comigo? Unidos somos mais fortes! Lembrem-se sempre disso!!!!!

E até breve! Bjs, Dê.
 

domingo, 2 de junho de 2013

Curiosidade: Afinal a Gordura Saturada é vilã??

Oi Fit People! Como vocês estão??
 
Desculpem a demora em postar aqui... Minha vida deu uma reviravolta nas últimas semanas, meu Pai passou por uma cirurgia de emergência, eu saia do trabalho e ia pro hospital e a falta de tempo fez que eu não preparasse todas as minhas marmitinhas, e acanou que a dieta foi pro saco... enfim, 2 semaninhas de alimentação meia boca, e treinos mais ou menos, resultando que meu trabalho árduo das últimas semana fosse pro saco!! :-(
 
Triste, masssssss o mais importante é perceber que caí, errei e aprender com isso! E agora é levantar com mais força do que nunca né?! Vamo que vamos, que eu quero e vou chegar aonde quero... e ñ vou deixar o inverno e a vontade de chocolate quente e comidinhas gorduras acabem com meu estilo de vida.
 
São fases... acontece!! Mas desistir jamais!!!! Afinal de contas, somos guerreiras! É ou não é?

 
Hoje resolvi trazer um estudo sobre a gordura saturada ser considerada vilã... enfim, achei o texto beeeeeem interessante... mudou minha visão sobre essa gordura, que antes eu abominava... enfim, leiam e aprendam!!
 
"A gordura saturada encontrada principalmente na carne e nos laticínios tem sido regularmente avaliada por médicos e pela mídia. Mas, uma nova análise de estudos publicados não encontrou nenhuma correlação clara entre pessoas que consomem gordura saturada e o risco cardiovascular.
 
A demonização da gordura saturada começou em 1953 quando o doutor Ancel Key publicou um artigo comparando a ingestão de gordura e a mortalidade por doença cardíaca. Aí começava a expulsão equivocada da gordura saturada das dietas.
 
A ideia de que a gordura saturada é ruim para o coração se tornou tão impregnada na comunidade médica que ninguém questiona esse dogma. Porém, as coisas estão mudando e, atualmente, muitos profissionais já conseguem entender que a grande vilã dessa história é na verdade a gordura trans encontrada em margarinas e óleos vegetais parcialmente hidrogenados.
 
Durante anos os pesquisadores têm falhado repetidamente ao achar qualquer associação entre gordura saturada e doença cardíaca, conforme o Dr. Keys havia pensado ter descoberto. A última analise juntou 21 estudos que incluíam 348 mil pessoas e, mais uma vez, não encontrou correlação entre hábitos alimentares – consumindo muita ou pouca gordura saturada – com doença cardíaca.

Carboidratos são os causadores de obesidade e doença cardíaca, e a não gordura.
 
O que os estudos têm mostrado é que o risco de doença cardíaca aumenta na presença de açúcar e carboidratos refinados, como pastas e pães.
 
O consumo excessivo de carboidratos refinados leva a:
- piora da resistência à insulina;
- aumento dos triglicérides e LDL colesterol;
- redução do HDL colesterol (bom colesterol).
 

Confundindo os fatos sobre gordura saturada

Parte da confusão científica ocorreu pelo fato de se interpretar que todas as gorduras saturadas são iguais, o que não é verdade. Existem dois tipos de gordura saturada: as boas e as ruins.
 
Nesses estudos não foram diferenciadas as gorduras saturadas (boas) com a gordura trans (ruim), pois se tivessem feito essa diferenciação os resultados não mostrariam essa associação gordura saturada x doença cardíaca.
 

Os diferentes tipos de gordura

Você pode dividir a gordura em quatro grupos distintos:
 
1. Gordura saturada - proveniente de animais e óleos tropicais (coco e palma);
2. Gordura monoinsaturada - como óleo de oliva;
3. Gordura poliinsaturada - como ácidos graxos ômega 6 e ômega 3;
4. Gordura trans - como margarina e óleos parcialmente hidrogenado.
 

Fontes de gorduras saudáveis incluem

- Óleo de oliva e olivas;
- Óleo de coco e coco;
- Castanhas como amêndoas e nozes;
- Óleo de palma;
- Abacate;
- Óleo de nozes não aquecido;
- Carne de animal criado em pasto;
- Ovos orgânicos (gema);
- Manteiga produzida a partir de leite de vacas criadas em pasto.

 
Se a gordura saturada não tivesse nenhum valor, ou fosse maléfica para você, por que, então, o leite materno também não seria questionado? Afinal de contas, ele também possui essa gordura (ácidos butírico, caproíco, caprílico, láurico, mirístico, palmítico e esteárico). Fato é que ele é extremamente importante, é suporte para o crescimento, desenvolvimento e sobrevivência das crianças. Viu só?
 
Gordura saturada é essencial! Entre os muitos benefícios que ela proporciona podemos citar:
- componente principal da membrana celular;
- combustível preferido do coração;
- ação antiviral (ácido caprílico);
- efetivo agente anticáries, antiplaca e antifúngico (ácido láurico);
- reduz o colesterol (ácido esteárico e palmítico);
- fornece fonte de energia na sua dieta;
- produção hormonal;
- permite a assimilação das vitaminas lipossolúveis A, D, E e K;
- permite a conversão de caroteno em vitamina A;
- prevenção de câncer (ácido butírico)."
 
Sendo assim, é melhor considerar dar uma segunda chance à gordura saturada em sua dieta. Só temos a ganhar!

Referência bibliográfica:
American Journal of Clinical Nutrition. Jan 13, 2010
American Journal of Clinical Nutrition. 91: 502-509; Jan 20, 2010
American Journal of Clinical Nutrition. 91(3): 535-46; Mar 2010.

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Peito de Peru é saudável?


Muita gente me pergunta porque quase nunca me vê comendo embutidos... enfim, respeito a disponibilidade e forma de pensar de cada um, mas o fato é que evito ao máximo esses embutidos pois eles contém muito, mas muuuuuuuuuito sódio!!

Já reparam a tabela de informação nutricional quando vocês compram no supermercado peito de peru, presunto, entre outros?? Por exemplo o peito de peru marca Sadia light tem por fatia em média 125,2mg de sódio, geralmente as pessoas comem 3 fatias por refeição, ou seja, só aí já ingeriu 375,6mg de sódio, sem contar conservantes, químicos que você ingere junto... enfim, eu deixo para quando não tenho mesmo outras opções prontas ou estou muito cansada e não estou afim mesmo de chegar perto da cozinha rsrs... ou se realmente dá uma vontade, pois eu gosto sim de peito de peru!!
 
Eu também decidi escrever sobre ele, pois é um dos primeiros alimentos que as pessoas incluem no seu dia-a-dia assim que entram em dieta, reeducação alimentar, é um dos alimentos da lista dos embutidos mais consumidos, por apresentar uma baixa quantidade de gordura.
 
"O que na realidade acontece é que não devemos nos atentar apenas à quantidade de calorias, carboidratos, proteínas e gorduras. Você já parou para observar a quantidade de sódio presente no peito de peru, tão magrinho?
Em 2 fatias de peito de peru temos 500mg de sódio!!! Só para você ter uma ideia do que isso significa, a quantidade ideal de sódio que devemos consumir no dia todo é de 2400mg, ou seja, 20% da quantidade total de sódio que devemos consumir em 1 dia estão presentes em apenas 2 fatias de peito de peru.
Agora vamos analisar os ingredientes:
Carnes de aves, água, sal, regulador de acidez: lactato de sódio, condimentos, glicose, realçador de sabor: glutamato monossódico, açúcar, fibra de trigo, proteína isolada de soja, estabilizantes: polifosfatos de sódio, espessantes: carragena, conservadores: nitrito e nitrato de sódio, antioxidante: eritorbato de sódio, aroma natural de fumaça e corante natura carmim de cochonilha.
Vamos destacar alguns deles:
- condimentos: quais??? imagine o que pode ter aí!!
- glicose e açúcar: peito de peru tem açúcar!!!
- polifostato de sódio, espessante carragena, eritorbato de sódio, aroma natural de fumaça, corante carmim de cochonilha: isso é comida???
- nitrito e nitrato: lá dentro do seu estômago, o nitrito pode ser convertido a nitrosamina, que é uma substância potencialmente cancerígena.
Bem, agora com essas informações vocês já estão aptos a fazer melhores escolhas para sua alimentação."
E aí ficaram na dúvida porque quase nunca consumo?! Precisa falar mais alguma coisa?

Beijos e até a próxima dica!!

Fonte: nutrição esportival e funcional
Sigam-me no instagram: @denisefit

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Receita do Creme de Abacate Protéico

Oiiii...
 
E aí tudo bem??
 
Hoje trago a receita do Creme Protéico de Abacate que é minha refeição pré-treino que vira e mexe posto no instagram e sempre me pedem a receita, ou o ficam curiosos do porque comer isso, que abacate é gordura e blá, blá, blá... enfim... vou explicar porque é uma refeição beeeeem interessante de ser feita, além de muito gostosa e de matar a vontade de doces... em especial da mulherada que adora um!!! (como eu... hehehe)
 
Então, porque consumir abacate? Mesmo sabendo que ele é calórico e rico em gorduras? Aliás outro dia inclusive escrevi um post sobre as gorduras boas e a importância dela na dieta e no auxílio da redução da gordura ruim (leia aqui). Vamos entender como essa fruta é ótima pra nós!!!! O abacate promove saciedade e otimiza a ação da insulina no organismo, ajudando assim o corpo a acumular menos gordura. Ele possui gorduras insaturadas (ômega 3 e 6) além de ser rico em vitamina E, potássio, magnésio, ácido fólico e riboflavina, que favorecem o metabolismo de gorduras e açúcares. Tem proteína, ferro, cálcio, alto teor de nutrientes antioxidantes e anti-inflamatórios como as vitaminas A e E, tendo a ação de redução da inflamação dos adipócitos, fornece energia e aumenta a disposição. Ou seja, muuuuuuitos benefícios né?! Será que te convenci a incluir na sua alimentação??
 
Acredito que sim... então vamos a receitinha do meu pré-treino sólido de praticamente todos os dias!!
 
Ingredientes:
  • 70gr de abacate
  • 1 scoop de whey protein de baunilha ou chocolate
  • 1 colher de chá de óleo de coco
  • 1 colher de chá de cacau em pó orgânico ou zero açúcar (opcional e dependendo da fase da sua dieta e desejo por chocolate)
Modo de Fazer:
 
Bata tudo no processador ou liquidificador, coloque na geladeira por 30 minutos, e está pronto para consumo.
 
Eu, como já deixo pronto para a semana toda, ou conforme o tamanho do abacate, eu preparo tudo e congelo. Pois não estraga em nada, o gosto continua ótimo, e no dia que for consumir é só colocar na geladeira (como eu faço) ou colocar na sua térmica para consumir aonde estiver e depois ir treinar. Já carreguei muitas vezes na minha bolsa por algumas horinhas e não estragou e o gosto continuou o mesmo, só não ficou tão bom quanto gelado (amo!)
 
Faço assim:
 
 
Primeiro eu bato o abacate e depois peso...
 
 
Divido por 70 para saber quantas porções vai dar, e aí já sei quantos scoops de whey tenho que por, colheres de chá do óleo de coco e bato até ficar cremoso.
 
 
 
Depois separo na quantidade de potinhos que havia dado... como já tenho um que cabe direitinho a porção, é só eu encher ele até a boca, e depois colocar para congelar.
 
 



 Congelado ainda:


 
 


quinta-feira, 9 de maio de 2013

Motivação x Desculpas


Oiiii galerinha do bem, tudo bem com vocês??
 
Vocês já perceberam como sempre estamos rodeados de pessoas que vivem dando desculpas para aquilo que elas deveriam estar entregando ou fazendo e não estão? Só que essas pessoas se esquecem de que, ao final, o que verdadeiramente importa são os resultados...

Não importa quais sejam os seus objetivos, se quer emagrecer, ganhar massa, eliminar godura, se você quer ter mais tempo, se você não tem dinheiro suficiente, não está no trabalho que gostaria de estar, e assim por diante...

É claro que não adianta ficar só nos objetivos no papel... É preciso entrar em ação! É preciso dar passos consistentes em direção ao objetivo que você quer conquistar todos os dias.
 
Comece se preocupando com o dia de hoje, faça o que tem e deve ser feito, e garanta que hoje você fez tudo o que precisava para conquistar seu objetivo, pois dia após dia você estará um passo mais próximo dos seus objetivos.

Confie na natureza. Tenha certeza de que somente aqueles que fazem por onde chegam aonde querem. Busque os resultados como um meio de vida.
 
Pode ser difícil no início, mas eu garanto que o prêmio será muito valioso e valerá cada gota de suor.

Vá atrás do que quer, procure a motivação que precisa para começar, e principalmente continuar e nunca mais parar!
 
Lembre-se, eu acredito em você!!
 

terça-feira, 7 de maio de 2013

Receita Torta de Banana Integral

Genteeeee, fiz essa torta de banana integral da @milacozzi e ficou maravilhosaaaaaaaaaaaaa!!! Minha Família não só amou, como detonou! Realmente fica muito saborosa, não fica secona (só ficar de olho no forno para não deixar muito tempo e secar demais lógico!), e além de nutritiva e saudável, serve como uma boa refeição da tarde e para matar aquela vontade de doce.

Ingredientes

·         3 xícaras de aveia em flocos finos
·         1 xícara de linhaça dourada
·         2 colheres de sopa de sucralose
·         1 scoop de whey de baunilha (opcional)
·         1 colher de sopa de essência de baunilha ou de amêndoas
·         3 bananas amassadas
·         1 colher de sopa de óleo de coco
·         1 copo de iogurte desnatado Molico ou o com menos carboidrato e zero gordura
·         5 claras
·         Canela em pó
·      1 colher de chá de fermento em pó (coloque depois que a massa tiver homogênea)
 
Modo de Fazer
Bata tudo no processador. 

Unte uma forma com óleo de coco (a não ser que tenha de silicone). 

Monte da seguinte maneira:

1ª camada: Massa
2ª camada: banana fatiada com canela
3ª camada: massa
4ª camada: decore com banana, canela e amêndoas 

Depois coloque no forno a 240C, aproximadamente por 30 a 40 minutos.
 
Eu recomendo e espero que vocês gostem também!

Ah e não se esqueçam, 1 fatia só heim?! Sei que fica delicioso e a tentação de comer várias é grande, mas EQUILÍBRIO é a chave para o sucesso.
 
Bjs e bons treinos!!! ;-)

domingo, 5 de maio de 2013

O que comer no japonês sem culpa?

Muita gente chega pra mim e fala, ah comida japa posso comer sem culpa né?! Então... não é bem assim.... tem alguns itens que você deve tomar bastante cuidado na hora de escolhê-los, alguns que devem sim ser evitados, afinal não fazem bem para a saúde independente da fase da sua dieta!!! E outros que são ótimas opções, super nutritivas e saudáveis.

Primeiro, o que muita gente não sabe, é que o ARROZ JAPONÊS, sabe aquele que vai no temaki, nos sushis, ele possui AÇÚCAR! Açúcar?! Pois é... L Portanto, cuidado se você é diabético ou está em uma dieta pra definição, pois o açúcar também acumula muito facilmente na forma de gordura abdominal. E você não tem comido sobremesas, docinhos em geral, não vai jacar com os temakis e sushis!! Please!!! Rsrs... É claro que você pode consumí-los, mas sem exagero pela questão do açúcar!!
O SHOYO é um outro alimento que devemos ter cuidado, especialmente quem retém muito líquido, incha muito ou é hipertenso, devido a alta quantidade de sódio. O shoyo ainda possui o glutamato monossódico, que pode ser um veneno para quem tem enxaqueca. Vale a pena investir no shoyo light, mas mesmo assim com moderação!
 

Os HOT ROLLS são fritos, portanto mais calóricos, e se estamos falando de fritura nem preciso explicar mais nada né?! NÃO FAZ PARTE DE QUEM QUER TER UMA VIDA SAUDÁVEL! #xôfritura



Mas vamos falar nas coisas boas da culinárias japonesa, que aliás tem várias, e que você pode comer sem culpa!!!!
Comece comendo a saladinha que muitos deles servem, a SUNOMONO (também chamada por alguns por saladinha de pepino. Se possível consuma umas 2 porções para ficar mais saciado logo de cara, e assim não atacar com tanto voracidade os temakis e sushis! Hehehe... ;-)

O MISSOSHIRO é uma sopinha muito gostosa e cai muito bem agora para os dias mais frios. Consuma como entrada, assim você já vai "acalmando" a fome! Só não vale consumir missoshiro demais porque infelizmente tem uma boa quantidade de sódio também...
 
 
Outras opções que indico são: peixe grelhado e legumes, guioza no vapor, shimeji e os sashimis (pra mim a melhor parte da culinária japonesa e a que mais como!! Hummmmmmm...).


E vamos continuar focadas, que vale a pena colher os frutos disto depois!!!

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Instabilidade não melhora resultado de exercício

Galera,

Desculpe a demora em escrever aqui no blog, mas eu estava em uma semana de muitos compromissos, além da visita especial do meu Primo Português... logo a agenda ficou ainda mais cheia, e acabei abandonando vocês, mas foi rápido, ufa!! rsrs...
Hoje venho falar de um assunto que está muito em voga, a instabilidade... enfim, andei lendo muita coisa sobre isso, muitas boas, muitas ruins, mas aqui entra o velho ditado da individualidade de cada pessoa... mas em um contexto geral o que andei percebendo, é que tem sido visto como a grande arma dos treinamentos modernos para aumentar o recrutamento da musculatura. Com isso, os treinos passaram cada vez mais a contar com suportes instáveis como bolas, bosu (meia bola com uma superfície reta de um dos lados), plataformas de instabilidade, discbol etc. Eu mesmo sempre coloco 1 ou 2 exercícios de abs na bola... Entretanto, o professor Júlio Serrão, do laboratório de biomecânica da Universidade de São Paulo, diz que este tipo de treino dá um pequeno ganho de força para indivíduos destreinados, mas não é eficiente para aqueles que já treinaram força.

Há a melhora a força do core, conjunto de músculos do centro do corpo, o tórax, como os músculos do abdome e sustentadores da coluna vertebral, mas, segundo o professor, o que causa um maior ganho muscular é a combinação de estímulos diferentes, e aí entra também o treinamento funcional.

A principal vantagem dos treinamentos com base na instabilidade é o ganho de propriocepção, que ocorre mesmo em atletas. E o que é essa tal de propriocepção?? É a capacidade de percepção do próprio corpo e correção automática de movimentos indesejados. Por exemplo, quando você quase torce o pé, seu músculo faz força para voltar para a posição normal, mesmo sem que você tenha tempo de pensar no que deve fazer, isso é propriocepção. O treinamento desta capacidade é essencial para todos no seu dia a dia, e primordial para atletas, para conseguirem efeitos precisam de treinos com desequilíbrios maiores.
"A musculatura do abdome e das costas tem função de estabilizar o corpo, por isso ela é mais sensível ao treinamento com instabilidade como o pilates e o treino funcional. Ao se incluir componentes de instabilidade é possível aumentar o recrutamento dessas musculaturas estabilizadoras, mas o mesmo não ocorre com os grupos musculares que não tem essa função."
Como disse o professor Serrão em sua palestra durante a IHRSA – encontro de negócios e bem estar em fitness -, ao treinar o bíceps – músculo do braço – em cima de uma bola suíça, a instabilidade não vai aumentar o trabalho do bíceps, que teoricamente é o músculo que buscamos treinar, ela apenas vai gerar mais trabalho da musculatura postural (em especial abdome e costas).
 
Apesar do professor destacar que existem poucos estudos bem organizados sobre treinamento funcional e pilates, ele apresentou alguns dados que mostram que os efeitos da instabilidade se restringem aos músculos estabilizadores. "Exercícios abdominais feitos sobre uma bola suiça mostram resultados melhores que os feitos numa estrutura lisa, pois a musculatura abdominal é estabilizadora e, ao trabalhar em uma superfície de desequilíbrio, precisa trabalhar mais para fazer o mesmo movimento." (Ainda bem, vamos manter nosos exercícios de abs na bola, Ufa! kkkkkk)
"A musculação feita com os aparelhos tradicionais restringe a instabilidade para permitir uma maior carga de trabalho, fortalece os músculos, mas não causa benefícios nos músculos estabilizadores e na propriocepção. Ele é ideal para trabalhos com iniciantes que precisam aprender os movimentos e fortalecer a musculatura. 
Já o treino com pesos livres, como anilhas e halteres, permite uma maior instabilidade, com um trabalho considerável de costas e abdome para estabilizar certos movimentos, o que muitas vezes não permite pesos tão altos quanto o dos aparelhos. Já os treinos funcionais pregam maior instabilidade, privilegiando a musculatura estabilizadora."
Segundo o professor Serrão, o esforço de abdome e costas em movimentos com peso livre como agachamento, stiff e agachamento terra, já provoca um grande trabalho da musculatura do core e ajuda na propriocepção sem a necessidade de mais instabilidade. Uma das pesquisas apresentadas pelo professor em sua palestra mostra que o agachamento feito com ou sem instabilidade tem o mesmo efeito na força da perna, com um trabalho um pouco maior da musculatura da coluna. Más é difícil fazer o agachamento no bosu, por exemplo, com a mesma carga que em uma superfície estável.
 
Mas na verdade o professor deixou claro em sua palestra, que não há exercícios bons ou ruins, o treinador quem deve prescrever o exercício adequado aos objetivos do aluno.
 
E aí, o que vocês acham? Já se testaram? Já consultaram um profissional qualificado para auxiliá-los com o perfil de treino adequado ao seu objetivo?
 
Qualquer dúvida me escrevam!!! E até amanhã!
 
Bjs, Dê.